Como começar um projeto de marketplace multimarca?

Passo a passo para criar o seu

A indústria depende de lojistas para vender produtos, seja de forma exclusiva ou em lojas multimarcas. O mesm​o princípio vale em um projeto de marketplace. Uma indústria pode manter um marketplace com diversas lojas da mesma marca – o que acontece com as franquias, por exemplo – ou pode criar um portal com marcas diferentes.

Leia Mais

Marketplace: as maiores dificuldades para iniciar um projeto do zero.

Entenda os desafios para montar o seu próprio shopping online

 O crescimento significativo do número de sellers – vendedores que disponibilizam seus produtos dentro de um marketplace – e de compradores online no Brasil tem enchido os olhos de empresários que enxergam no modelo uma oportunidade de ampliar os negócios e faturar mais. Mas a criação de um shopping online, como eles também são chamados, não é uma tarefa tão simples quanto parece.

Leia Mais

oportunidades para shopping físico

Tenho um shopping físico. Como posso expandir meus negócios?

Nos últimos anos, as vendas do varejo mantém uma constante diminuição de volume. Enquanto a média fica em volta dos 0,3%, o recorde de baixa deste ano aconteceu em fevereiro, com diminuição de 3,1% do volume das vendas em relação ao ano anterior, o que configurou a maior queda desde 2003. E os shoppings varejistas não ficam imunes nesse cenário. Mas se há recessão, existe também a necessidade de procurar novas oportunidades para shopping físico. Leia Mais

5 Dicas para uma loja Virtual de Atacado

Parceria entre a Flexy e a RJS Tecnologia, possibilitará a ampliação de canais de vendas, integrando a plataforma Flexy com Marketplaces

banner2


Parceria entre a Flexy e a RJS Tecnologia, possibilitará a ampliação de canais de vendas, integrando a plataforma Flexy com Marketplaces

Saiba como a parceria entre a Flexy e a RJS Tecnologia pode ampliar os seus canais de vendas, alcançando novos públicos e gerando mais conversões para a sua loja virtual.
Leia Mais

shopping virtual

Por onde começar a implantação de um shopping virtual

Começar um projeto de negócio digital pode parecer complicado para qualquer empresa. Na realidade, é muito mais simples do que fazer no mundo físico; o que faz parecer complicado é o fato de ser um território desconhecido para quem ainda não tem experiência com o digital. A criação de um shopping virtual é um desafio ainda maior, já que envolve muitas lojas e empresários com diversas experiências e com graus diferentes de informação sobre investimentos em negócios ou mesmo em presença digital. Leia Mais

negócios digitais para shoppings

3 mitos sobre negócios digitais para shoppings

Começar a investir em negócios digitais é uma tendência em vários setores brasileiros, da indústria ao varejo. No entanto, no caso de shoppings, a geração de negócios e a mera prestação de serviço podem se confundir. Nesse post, vamos mostrar três mitos de negócios digitais para shoppings para que você possa fazer escolhas mais assertivas para o seu negócio. Leia Mais

showrooming

A sua loja está sentindo os efeitos do showrooming? Saiba como se inserir nesse fluxo de vendas

Você conhece o termo showrooming? Essa tendência, que está apenas chegando ao Brasil, é uma reação ao comportamento natural dos consumidores e acontece independente do planejamento do lojista. Cabe a você estar preparado para lidar com isso. Afinal, a internet mudou a forma como jovens e adultos pesquisam e compram os produtos, possibilitando a busca pela melhor oferta, menor preço, maior rapidez da entrega e sempre levando em conta a opinião de outros consumidores. Leia Mais

shopping virtual

Tecnologias para shopping virtual

Abrir um shopping virtual é muito mais do que ter uma vitrine online. Se você tem um shopping físico e está interessado em entrar no segmento de negócio digitais, é necessário levar em consideração alguns pontos essenciais. O primeiro é que um shopping virtual eficiente deve automatizar  pelo menos cinco passos de seu processo de venda: exibição do produto, compra, pagamento, recebimento do pedido e controle do envio. Leia Mais

cases de e-commerce

5 erros perigosos (e comuns) em um shopping center virtual

Quando você decide ingressar no comércio eletrônico, há duas opções: abrir uma loja virtual própria, ou apostar na entrada em marketplaces, ou seja, shoppings virtuais, com um aglomerado de marcas e produtos. Existem alguns shoppings virtuais que utilizam a marca de um grande varejista do mercado, como o Extra e o Walmart. Já o Mercado Livre é um exemplo de marketplace que não utiliza marca ligada ao varejo como pano de fundo. Leia Mais