Marketplaces: 5 erros perigosos (e comuns) em um shopping center virtual.

Se o seu desejo é comercializar produtos pela internet, você tem duas opções: abrir uma loja virtual própria ou apostar na entrada em marketplaces – shoppings virtuais com um aglomerado de marcas e produtos. Ambas as opções apresentam vantagens e desvantagens – das quais eu já discuti em diversos artigos aqui no blog.

Leia Mais

O que são nichos de mercado e como explorá-los por meio dos marketplaces?

Menor concorrência e maior conversão

Alguns profissionais de vendas acreditam que quanto mais produtos uma loja virtual tiver disponível, maior será a receita da empresa. Nem sempre! Às vezes, querer abraçar o mundo e oferecer soluções de todos os tipos e para todos os gostos significa perder uma das maiores moedas que uma marca pode ter: a especialização. Encontrar um nicho de mercado – uma pequena parcela pouco explorada de algum segmento – é uma estratégia poderosa para direcionar sua verba, seu tempo e esforços no lugar certo: a atração do cliente ideal.

Leia Mais

Qual a importância da curadoria de conteúdo no seu e-commerce?

Aprovação dos produtos ajuda a manter o padrão de qualidade.

Diante da massificação de informações publicadas na internet todos os dias – sites, textos, imagens e vídeos – a curadoria de conteúdo se tornou uma estratégia atraente no mundo digital. Ela nada mais é que a ação de filtrar, editar e organizar o que é verídico, interessante e relevante para o público de uma marca/empresa. Quem se destaca, acaba se tornando “autoridade” no assunto, fonte confiável de informação e até especialista na área de interesse. Quando analisamos a dinâmica de um e-commerce, mais especificamente de um marketplace, a curadoria funciona de maneira semelhante. Hoje, falarei sobre a importância da curadoria de conteúdo no seu e-commerce.

Leia Mais

Como franqueadoras estão usando a tecnologia de marketplace para vender mais e organizar fornecedores?

2 soluções para driblar os conflitos e faturar mais

Mesmo com os números animadores do comércio eletrônico e com a evolução dos hábitos de consumo, – hoje, somos quase 60 milhões de e-consumidores no Brasil (E-bit 2018) – algumas franquias ainda demonstram resistência em disponibilizar seus produtos e serviços na web por meio de um e-commerce. O motivo? Conflitos com franqueados e fornecedores. Neste post, vou explicar como algumas franqueadoras driblaram esses desafios e estão usando a tecnologia de marketplace para vender mais e organizar fornecedores.

Leia Mais

Marketplace é uma fórmula de sucesso?

Investidores devem ter paciência para enfrentar mercado extremamente dinâmico.

Mais de três décadas depois do lançamento do primeiro marketplace do mundo, nos Estados Unidos, o Brasil vive uma verdadeira efervescência no setor. Enquanto o segmento  representava 16,9% do mercado de Digital Commerce em 2016, no ano passado sua participação foi correspondente a 22,9% do total, segundo os dados do Relatório 38 da Webshoppers.

Leia Mais

3 materiais para quem pretende montar seu próprio Marketplace

Eleve seu conhecimento e aprenda como criar o seu!

A internet mudou definitivamente a maneira como administramos um negócio. Atualmente, os marketplaces, ou shoppings online, oferecem um novo mundo de oportunidades para atacadistas, varejistas e empreendedores. Eles trazem praticidade para os clientes finais porque dão acesso a ofertas de diversos vendedores em um só lugar, tornando possível comparar e escolher os melhores preços, além de fazer múltiplas compras.

Leia Mais

O que é fuga de rede e como evitá-las?

Sobre a padronização de fornecimento em redes de franquias.

O sucesso de uma rede de franquias está baseado no poder de padronização. É através dele que é garantido o controle de qualidade nas unidades da empresa, por mais longe que elas estejam uma das outras. A padronização de produção, de entrega de serviços, de atendimento, bem como da identidade da marca, é importante para a manutenção e reconhecimento da qualidade da empresa pelo público. Para isso, deve existir um controle rigoroso dos fornecedores escolhidos. Mas, verdade seja dita, esse controle não é fácil.

Leia Mais

Como funciona a geolocalização em marketplaces?

Funcionalidade traz benefícios para gestores, lojistas e consumidores.

A tecnologia de geolocalização, recurso que descobre a localização geográfica por meio do celular ou navegador, está cada vez mais presente em nosso cotidiano. Os usuários o utilizam para obter informações e rotas otimizadas de trânsito, localizar serviços e lojas próximas, fazer check-in nas redes sociais ou contratar serviços de táxi. Para empresas, o uso da geolocalização pode ajudar a planejar, refinar, mensurar e expandir o negócio. A funcionalidade também é ideal para e-commerce de nichos – os marketplaces – que reúnem diversos lojistas, de várias regiões do país, em um único portal. Neste artigo, eu explico como ele funciona.

Leia Mais