Como o IFOOD ampliou o faturamento e fidelizou clientes com o e-commerce B2B

O app de delivery agora também conecta restaurantes a fornecedores de insumos

Você provavelmente já utilizou o maior aplicativo de restaurantes delivery do Brasil, o IFood. O app para dispositivos móveis já atingiu milhões de consumidores e mais de 16 mil estabelecimentos comerciais em todo o país, que se conectam por uma mesma plataforma online.

Uma de suas funcionalidades é o fato do cliente final poder selecionar os estabelecimentos mais próximos de sua localização, através do geolocalizador. O consumidor acessa o aplicativo, escolhe o estabelecimento, o cardápio, faz a compra e recebe o produto em seu endereço. O Ifood, que ofereceu o espaço nessa plataforma online, recebe a comissão em cada venda feita pelo app.

Atualmente, a empresa gera mais de 3 milhões de pedidos mensais.

O  segredo do sucesso da empresa está ligado às facilidades dessa plataforma de vendas online, desenvolvida especialmente para o público B2B, de empresa para empresa. O aplicativo, que agrega varejistas de alimentos (lanchonetes, pizzarias, padarias, bares e similares), pensou em estratégias para agradar não só o público final, mas também a sua base de clientes.

De B2C a B2B

Diante desse cenário de crescimento, o iFood percebeu a necessidade de beneficiar também os restaurantes cadastrados e, consequentemente, fidelizá-los. Agora, a empresa passa por uma fase de “verticalização para trás”, isto é, o app que cumpria a simples função de conectar consumidores a restaurantes (B2C), passa agora a ligar restaurantes aos seus diversos fornecedores (B2B), de laticínios e produtores de embalagens.

Para que isso fosse possível, o iFood consultou a inteligência e estratégia da Flexy Negócios Digitais e a solução encontrada foi o marketplace iFood Next.

 

Marketplace – Cadastro de fornecedores

Com o intuito de melhorar os serviços de todos os estabelecimentos e ampliar as funcionalidades do aplicativo, a plataforma possibilitou também o cadastro de empresas fornecedoras de insumos, como caixas de pizza, sacos e embalagens para entrega. Em breve, ela também oferecerá insumos de alimentação como molhos, temperos, ingredientes e etc.

O objetivo era facilitar a vida desses estabelecimentos, com um canal de acesso a fornecedores de qualidade – um desafio entre empresários -, todos selecionados pelo iFood, com um preço mais competitivo e negociado de forma independente. O aplicativo também recebe comissão por cada venda realizada.

O iFood ainda pretende acrescentar outras funcionalidades como gestão de delivery para os donos dos restaurantes, onde eles possam acompanhar pedidos atrasados, fechados e o crescimento da empresa, e um chat, para concentrar a comunicação deles em um lugar só.

Foi dessa maneira que o Ifood conseguiu fidelizar a base de clientes já estabelecida, ampliar a atuação comercial e, principalmente, aumentar faturamento da empresa: com um canal de comunicação direto e fácil.

Quer saber mais sobre as soluções de marketplace B2B? Fale com um de nossos consultores aqui.

Comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Você também pode gostar