Os três pontos mais importantes de uma loja virtual de sucesso

Invista em plano de negócios, plataforma e marketing.

No artigo de hoje, vou responder uma dúvida comum para muitos empreendedores: quais são os pontos mais importantes para começar uma loja virtual de sucesso? Vou comentar aqui sob o ponto de vista dos e-commerces tradicionais, B2C, mas alguns aspectos também se encaixam para e-commerce B2B, focado em cadeias produtivas complexas (indústrias, distribuidoras, atacados).

No projeto de uma loja virtual de sucesso, muitos gestores têm dúvidas sobre os investimentos que devem priorizar. Nesse caso, gosto de fazer uma analogia com o varejo offline.

Na hora de montar uma loja física, é muito difícil começar um projeto sem uma boa localização – grande fluxo de pessoas, fácil acesso, boa visibilidade -, sem uma boa infraestrutura – espaço, instalações, maquinário, móveis, decoração, – e sem uma boa metodologia de gestão de caixa e de estoque – todo o sistema que organiza o estoque, gera pedidos, realiza pagamentos e ajuda você a controlar os gastos – entre outros. No comércio eletrônico, não é diferente!

Existem três pontos fundamentais para se investir antes de abrir uma loja virtual:

1 – Plano de Negócios

Na minha opinião, um dos pontos mais relevantes para uma loja de virtual de sucesso é o desenvolvimento do plano de negócios. Parece algo óbvio, mas muitos gestores ficam ansiosos para colocar a loja no ar e se esquecem de fazer uma análise de mercado, definir público-alvo, política de preços e entregas, entre outros fatores importantíssimos.

Muitos acabam pulando a etapa de planejamento e partindo logo para a busca da tecnologia – achando que ela vai resolver todos os problemas e realizar vendas sem nenhum esforço! Mas isso não é verdade.

Um e-commerce deve ser planejado e estruturado com o mesmo cuidado tomado ao se desenvolver uma loja física. A única diferença entre um estabelecimento físico e um virtual é a forma como a compra será estabelecida – por meio da web.

Por isso, ainda que o seu produto esteja bem definido, é preciso colocar todos os aspectos do negócio sob o mesmo plano para que eles possam ser verificados, testados, amadurecidos e, então, colocados em prática!

O direcionamento de negócios vai ajudar você a definir o tamanho do investimento em marketing e os recursos que a sua plataforma precisa ter.

2 – Plataforma de E-commerce Robusta

E se seu e-commerce já tiver plano de negócios bem definido? Eu recomendo fortemente pensar em uma plataforma pronta e robusta – independentemente do fornecedor que você escolher.

Por atuar há muitos anos nessa área, vi vários projetos de comércio eletrônico fracassarem por usarem sistemas amadores, pouco testados e não confiáveis. Vale a pena investir um pouco mais em plataforma para entregar uma boa experiência de compra ao seu consumidor e evitar dores de cabeça técnicas para os gestores do e-commerce.

Importante: a plataforma precisa se adaptar ao modelo de negócios que você definiu anteriormente. Se você trabalha em um e-commerce de móveis, por exemplo, o sistema deve permitir a escolha de cores e modelos de um produto. E se por acaso o seu público é B2B, as funcionalidades necessárias são ainda mais específicas. Se quiser conhecer quais são elas, acesse: A plataforma do seu e-commerce foi desenvolvida para o mercado B2B?

3 – Investimento em Marketing

Por fim, se a sua loja virtual tem um plano de negócios sólido e uma plataforma robusta, sugiro que você invista em um dos pilares essenciais de qualquer negócio: o marketing.

É claro que, antes de divulgar a sua loja, é preciso “arrumar a casa”, deixar tudo funcionando corretamente para entregar boa uma experiência de compra ao consumidor. Depois disso, o marketing se torna mais efetivo e o retorno sobre esse investimento tende a ser bom.

Em uma loja física, a escolha da localização já faz boa parte do trabalho de divulgação. No caso de lojas virtuais, é preciso investir em formas de ser encontrado no mundo da web. De nada adianta você ter uma excelente loja virtual para comercializar um produto diferenciado e de ótima qualidade, se o seu cliente não consegue encontrá-la. Para isso, existem diversas estratégias de marketing digital. Neste blogpost, eu explico três delas: 3 estratégias de marketing eficientes para e-commerce.

#

Se você consolidar bem esses três pontos – plano de negócios, plataforma e marketing – é possível começar um projeto de e-commerce com boas chances de sucesso.

Veja também!

Avatar

Cristiano Chaussard

Especialista em E-commerce no Atacado, Marketing de Relacionamento e CRM pela ESPM e Gestão da Inovação pela USP, Fundador e Diretor de Expansão da Flexy Digital e Presidente ABComm/SC (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico em Santa Catarina).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.