Como o e-commerce ajuda a diversificar a carteira de agências digitais?

5 serviços complementares ao e-commerce para oferecer aos clientes.

O e-commerce pode ser uma grande oportunidade para agências digitais e de publicidade, como já discuti neste post aqui. Ele destaca a sua empresa em relação a outras concorrentes por oferecer um serviço único e ajuda a diversificar a carteira de serviços oferecidos. Além de criar um novo canal de vendas para seus clientes, você também pode oferecer serviços complementares ao comércio eletrônico. A seguir, você vai conhecer 5 serviços para oferecer aos clientes.

1. Serviços de Redes Sociais.

O e-commerce está diretamente ligado ao uso redes sociais, principalmente no mercado de varejo. No primeiro semestre de 2019, as redes sociais foram o segundo maior motivador de compras, com 19% das indicações, atrás apenas dos sites de busca, segundo o relatório Webshoppers 40, da E-bit/Nielsen (2019).

Seja para fazer promoções ou trabalhar o relacionamento com o consumidor, sua agência poderá oferecer aos clientes uma estratégia de redes sociais alinhada com o propósito do e-commerce. As ações de publicidade serão voltadas para a conclusão da venda, e não somente para a divulgação da marca. 

Além de criar desejo e levar o seu cliente para o e-commerce, as redes sociais estão cada vez adaptadas às vendas online, possibilitando que o seu cliente realize a compra sem precisar sair da plataforma. No Instagram, por exemplo, perfis empresariais podem marcar os produtos do e-commerce em suas fotos. O usuário consegue visualizar a descrição do produto, o preço e ainda “clicar”, sendo direcionado para a loja virtual.

2. Campanhas pontuais de marketing digital: 

O e-commerce possui um calendário com datas importantes para as vendas. A Black Friday, por exemplo, é a maior delas. Dia do Frete Grátis, Dia do Consumidor, Dia das Mães e Natal são outros exemplos de datas comemorativas com alto volume de vendas e faturamento que podem ser bem exploradas pelo e-commerce.. Nessas ocasiões, as campanhas de marketing são fortes aliadas e vale pensar em campanhas pontuais – inclusive offline – para impulsionar as vendas.

3. Venda de banners e gestão de anúncios patrocinados: 

Outra possibilidade para sua carteira de serviços é oferecer a produção de banners e outras peças gráficas para atualização do site. A criação dessas peças – animadas ou estáticas – servem para mostrar o e-commerce do seu cliente para novos possíveis consumidores. 

Também é possível oferecer anúncios patrocinados para as mídias como Facebook e Instagram e os anúncios de busca por palavra-chave do Google Adwords. 

Leia também: 3 estratégias de marketing eficientes para e-commerce

4. Mensuração de Resultados: 

Gerar relatórios a partir de Google Analytics ou analisar dados de um dashboard de e-commerce podem ser tarefas complicadas. Outra forma de diversificar a carteira de sua agência é criar um setor para realizar essas análises e entregar relatórios já prontos aos seus clientes.

5. Design: 

Se a plataforma de e-commerce permitir a customização do front-end da loja, os serviços de uma agência serão essenciais para deixar o e-commerce com layout exclusivo da marca, levando em consideração fatores como a experiência do usuário e usabilidade.

Leia também: Apresentação da loja virtual – cuidados para melhorar o visual da sua loja na internet.

#

O e-commerce vai muito além de apenas disponibilizar uma plataforma de vendas online. No caso das agências digitais, ele traz oportunidades de aumentar o faturamento vendendo serviços complementares além de diversificar a carteira de produtos  oferecidos pela empresa. Se ainda restarem dúvidas, deixe seu comentário abaixo! 

Comentar

3 thoughts to “Como o e-commerce ajuda a diversificar a carteira de agências digitais?”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Você também pode gostar