Como começar um projeto de marketplace multimarca?

Confira o passo a passo para criar o seu.

A indústria depende de lojistas para vender produtos, seja de forma exclusiva – lojas físicas próprias de sua(s) marca(s) –  ou em lojas multimarcas. O mesmo princípio vale para um projeto de marketplace. A utilização de tecnologia de vendas online pela indústria já é uma realidade! Elas podem manter um marketplace com diversas lojas da mesma marca, o que acontece com as franquias, por exemplo, ou até mesmo criar um portal com marcas diferentes. Hoje, vamos explicar como começar um projeto de marketplace multimarca. 

Antes de começarmos, convidamos você a conhecer as estratégias direcionadas às franquias neste artigo.

Ambas as soluções (portal com marcas próprias ou portal multimarca) são pertinentes para a indústria que pretende participar da margem de lucro do varejo. No primeiro caso, ter apenas produtos da sua indústria cria um espaço exclusivo que privilegia a sua marca. No entanto, a falta de diversidade pode tornar o marketplace pouco atrativo para o consumidor. Por isso, as indústrias também podem criar um marketplace multimarca.

Uma indústria de artigos esportivos, por exemplo, pode oferecer uma tecnologia de marketplace pronta a diversos lojistas do mesmo ou de outros segmentos. O portal venderá suas marcas próprias mas também abrirá espaço para outras lojas, ampliando o mercado alcançado.

Algumas vantagens desse modelo de marketplace são as seguintes:

  1. cria um engajamento maior entre ​os seus revendedores e atrai mais consumidores;
  2. ​O e-commerce da sua indústria ​pode se utilizar da força de outras marcas para atrair clientes de diferentes segmentos;
  3. Com um marketplace multimarca, você fica em uma posição privilegiada no monitoramento de concorrentes. Como o marketplace será seu, as informações geradas ​por meio dos lojistas cadastrados​ ​também serão de sua propriedade​. ​Assim, você terá dados ​como preços dos produtos concorrentes, faturamento por marca​, preferência de consumidores, níveis de interesse no seu produto em comparação com outros, d​entre outras​ inúmeras informações estratégicas​.

Ficou interessado? Abaixo, explicamos o passo a passo para quem deseja começar um projeto de marketplace multimarca.

1 – Definição de modelo.

No post de hoje, estamos discutindo o modelo de marketplace multimarcas. Mas existem muitos outros! Confira as possibilidades aqui. 

Em marketplaces, quanto mais segmentado for o seu produto, alcançando um nicho quase exclusivo da marca, maiores serão as chances de vender na internet.

2 – Trabalhe a marca do seu portal.

Antes mesmo de escolher a plataforma de e-commerce é necessário trabalhar sua própria marca: qual o seu posicionamento?; qual a relevância do portal? o que você oferecerá para o lojista? Esses são os diferenciais dos grandes marketplaces do mercado.

Como já discuti em alguns blogposts, o maior desafio de um gestor de marketplace é desenvolver estratégias para atrair ao mesmo tempo lojistas e consumidores finais. Considere criar ações que beneficiem ambos: campanhas publicitárias, promoções, cupons de desconto.

3 – Escolha a plataforma adequada.

Três fatores devem ser considerados na hora de escolher a tecnologia ideal:

  • Budget: quais opções encaixam no seu orçamento? Dica: não inicie o seu projeto pensando na opção mais barata. Muitas vezes, o barato sai caro.
  • Modelo de marketplace: qual tecnologia atende melhor às necessidades específicas do seu modelo?
  • Prazo de implementação: de acordo com o seu plano de negócios, qual é o prazo para desenvolvimento e implementação do projeto?

Funcionalidades importantes:

  • Carrinho compartilhado com check-out único;
  • Split financeiro;
  • Autoatendimento na criação de lojas;
  • Tecnologia pronta e madura;
  • Sistema altamente seguro;

Para ajudar você a encontrar a melhor tecnologia, acesse nossa planilha e faça um check-list de funcionalidades essenciais para o seu negócio clicando aqui. 

4 – Defina as regras comerciais.

Estabeleça regras comerciais para o marketplace. Assim como em um shopping físico, existem regras que precisam ser respeitadas: limites, especificações de produtos, comissionamento, formatos, prazos. Tudo deve ser padronizado.

Dentre essas regras está uma muito importante: a definição da logística e frete. Na maioria dos casos, é possível fazer a entrega dos produtos via Correios. Também é possível contratar transportadoras específicas com atuação regional ou nacional. O ideal é que você contrate uma transportadora para fazer a coleta em todos os revendedores.

Seja qual for o modelo escolhido, padronize sua operação de logística:

  • Onde sairão os seus produtos: do seu estoque ou do revendedor?
  • Os lojistas receberão comissão pelos produtos que saírem do seu estoque?
  • Você fornecerá os produtos diretamente para o revendedor a cada pedido gerado, para que ele encaminhe a compra para o consumidor?

5 – Escolha os lojistas.

Você precisa atrair a maior quantidade de lojistas qualificados. Selecione e convide os lojistas mais preparados para vender online, mas fique aberto para que outros vendedores possam demonstrar interesse. 

6 – Treine a equipe de revendedores e call-center.

Além de treinar os intermediários da venda, também é desejável realizar um acordo de call-center para que todas as reclamações ou problemas com clientes sejam atendidos por um só canal. 

7 – Divulgue!

O último passo da implantação de um marketplace é a divulgação. Aproveite toda a mídia que já existe para as lojas físicas (caso existam), compartilhando links e destacando as lojas que fazem parte do shopping virtual. Mostre os diferenciais do seu projeto! Considere também investir em Marketing Digital. 

#

Para aprofundar o assunto e conhecer as vantagens do marketplace para o gestor e para o lojista, baixe também o Guia do Marketplace. Se as dúvidas continuarem, entre em contato com a equipe Flexy aqui.

Comentar

8 thoughts to “Como começar um projeto de marketplace multimarca?”

  1. Olá, bom dia
    Meu projeto de negócio é montar um shopping virtual. Qual plataforma devo usar para alocar as lojas afiliada ao meu negócio,?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Você também pode gostar